Espanhol Português Inglês
GUIA ONLINE
DE FORNECEDORES
Fabricantes Distribuidores Empresas
Busca Geral
Participe agora mesmo
CADASTRE-SE AGORA MESMO!
 


Voltar

ALIMENTOS DESIDRATADOS SAÚDE E PRATICIDADE EM SUA MELHOR FORMA

A técnica de desidratar alimentos é milenar, advinda dos povos fenícios e utilizada para conservação e armazenamento dos alimentos a partir de um processo simples que elimina a água dos alimentos através da evaporação.

A desidratação de alimentos ganhou um equipamento para o processamento de frutas e vegetais através de métodos artificiais na França em 1975, que passou a ser utilizada na Primeira Guerra Mundial pela necessidade de armazenar alimentos em grandes quantidades para alimentar as tropas. Na época da Segunda Guerra, a técnica continuo sendo usada e foi aperfeiçoada, mais de 160 tipos de vegetais já passavam pelo processo e garantiam o sustento de milhares de soldados. Da guerra as missões espaciais, dos restaurantes até nossa casa, os alimentos desidratados são cada dia mais sofisticados e utilizados por todos nós.

Nas últimas cinco décadas a ciência e a tecnologia vem aprimorando novos e eficientes sistemas acerca da preservação dos alimentos, tornando possível a desidratação de grande quantidade de produtos para fins comerciais.

Os alimentos desidratados em nossa casa

Os desidratados são presença garantida em todas as culinárias do mundo, desde a casa mais simples até os grandes restaurantes com estrelas Michelin. A exemplo das especiarias que carregam, além de grandes poderes em enaltecer os sabores dos pratos, inúmeros benefícios à saúde. Desde os primórdios as especiarias nos apresentam suas qualidades terapêuticas, tanto que, chegaram a ser utilizados por médicos e físicos na cura de doenças. Hoje, a ciência comprova os benefícios das ervas aromáticas que ajudam na digestão e assimilação dos alimentos.

Os alimentos desidratados são tão comuns em nosso dia a dia que nem percebemos mais, a exemplo do feijão e do grão-de-bico que deixamos de molho antes de cozinhar, dos figos secos, do louro ou orégano para temperar, dos chás de ervas, do queijo, das uvas transformadas em passas, do bacalhau.

Praticidade da produção ao consumo

Dentre as muitas vantagens dos produtos desidratados podemos apontar a redução do peso e do volume das embalagens, o que facilita o transporte, armazenamento e ainda a não necessidade de refrigeração. Estas vantagens rendem economia de tempo, dinheiro e espaço a quem produz, a quem comercializa e ao consumidor final. Com a vantagem do shelf life (tempo de prateleira) ser muito maior do que outros produtos com carga microbiológica, ou seja, sem o processo de desidratação.

Todo alimento contem água:90% a 95% em legumes frescos e frutas, 8% a 12% em legumes secos e 60% a 70% em carnes. O processo de desidratação acontece com a eliminação da água dos produtos, seja por meio mecânico ou térmico. Mecanicamente, pode ser via centrifugação, filtração, ultrafixação, osmose, reserva, escoamento e prensagem, enquanto que termicamente, ocorrerá por ebulição e retirada da água sob a forma de vapor, por evaporação, com transferência de calor e massa.

Ou seja, no método clássico, os ingredientes são colocados num desidratador e ondas de ar aquecidas drenam toda a sua água. Na liofilização, os alimentos são congelados e em seguida é retirada a água. Depois de secos, são cortados, triturados ou transformados em pó. Trata-se de método que não altera a estrutura dos alimentos, mantendo seu conteúdo nutricional. No caso dos hortícolas e legumes, usado para as sopas, consegue-se manter quase 100% das suas vitaminas e minerais.

Fonte de saúde e bem-estar

A desidratação não afeta as propriedades nutricionais originais dos alimentos, ao contrário as potencializa. A pectina, por exemplo, encontrada nas frutas, nos vegetais, nos farelos de aveia e nas leguminosas é ricamente preservada na desidratação e é uma importante aliada a dieta porque, em contato com o organismo, se transforma em uma barreira que dificulta a absorção dos carboidratos. Outro exemplo é o licopeno, substância encontrada no tomate, otimizado com o aquecimento, atua como um potente antioxidante, que protege da ação dos radicais livres nas células e auxilia na redução do colesterol.

A concentração de propriedades nos itens desidratados, também servem como alerta ao consumo, por exemplo nas frutas desidratadas equivalem, em média, a apenas 18% do seu peso original e alguns vegetais têm o peso reduzido em até 90%. É importante ficar atento aos alimentos desidratados que têm uma maior densidade energética, ou seja, mais calorias. Ao consumo destes alimentos também cabe o bom senso e a moderação.

Sobre a JW Alimentos

A JW Alimentos possui uma linha completa para indústria, distribuição, cozinhas industriais, empacotadores, empórios e lojas de produtos naturais. Investimos em inovação e em técnicas aprimoradas, a partir da qualidade e confiabilidade do que produzimos. Suas equipes são formadas por especialistas na preparação de produtos alimentícios, que seguem rigorosas práticas de produção. Está em uma constante busca de soluções e resultados que revolucionem o mercado levando o melhor aos nossos clientes.

A empresa é referência no mercado de condimentos, especiarias e produtos naturais, com uma vasta lista de produtos de altíssima qualidade.



JW Alimentos

Tel.:(11) 4557-8903

jwalimentos.com.br




 

Telefone:

+55 11 5524-6931

Celular:

+55 11 99998-0506

Newsletter:

Fique conectado:

© EDITORA INSUMOS LTDA.

Av. Sargento Geraldo Santana,
567 – 1º andar
CEP 04674-225
São Paulo, SP - Brasil

001