Espanhol Português Inglês
GUIA ONLINE
DE FORNECEDORES
Fabricantes Distribuidores Empresas
Busca Geral
Participe agora mesmo
CADASTRE-SE AGORA MESMO!
 


Voltar

ALIMENTOS FUNCIONAIS E SUAS PERSPECTIVAS NO MERCADO BRASILEIRO

O termo alimentos funcionais surgiu no Japão por volta dos anos 80 e se refere aos alimentos

processados, contendo ingredientes que auxiliam funções específicas do corpo.

Ainda não há uma definição exata para o termo “alimentos funcionais” no mundo. No Brasil, a

definição sustentada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) é de que os alimentos considerados funcionais são aqueles que podem produzir efeitos metabólicos e ou

fisiológicos e ou benéficos à saúde, além de funções nutricionais básicas, devendo ser seguro

para consumo sem supervisão médica.

Os alimentos e ingredientes funcionais podem ser classificados quanto a fonte de origem, vegetal ou animal; ou quanto aos benefícios que oferece, atuando em diversas áreas do organismo: sistema gastrointestinal, cardiovascular, metabolismo de substratos, crescimento, desenvolvimento, diferenciação celular, comportamento das funções fisiológicas e como antioxidantes.

Classificam-se em alimentos que contém, naturalmente, compostos bioativos (elementos

capazes de trazerem benefícios à saúde): hortaliças, frutas, grãos, alimentos lácteos e carnes.

Neste sentido podemos citar como exemplos os antioxidantes presentes nos sucos de pêssego;

ácidos graxos essenciais em cereais andinos (quinoa e amaranto); os ginsenosídeos em

farinhas e extratos de maca; ampla relação de aminoácidos essenciais em proteínas vegetais.

O mercado de alimentos e bebidas ligados à saúde e bem-estar movimentou US$ 750 bilhões

em 2013. Neste universo, a significativa parcela de US$ 264 bilhões corresponde somente aos

produtos funcionais ou fortificados, alimentos e bebidas que contam com ingredientes

especiais em suas fórmulas para trazer benefícios para a saúde dos consumidores. Os dados

são da Euromonitor International.

A América Latina, sozinha, representa US$ 45 bilhões ou 17% do mercado de alimentos e bebidas funcionais, sendo o Brasil responsável por movimentar US$ 14,6 bilhões deste total.

Em constante crescimento, em 2013 obteve um índice de 9,9%, o continente representa um

mercado chave para o setor.

O excelente desempenho brasileiro ainda garante ao País uma colocação entre os 10 mercados

que mais crescem no mundo. O aumento do poder aquisitivo da Classe C e a maior consciência

da população em relação aos benefícios dos alimentos funcionais podem ser creditados como

os principais fatores para o sucesso do segmento.

Alinhada com as tendências deste mercado, a Gramkow fornece ingredientes para a indústria

de produtos saudáveis através da importação e distribuição. A seleção dos ingredientes

acontece a partir de estudos científicos que referenciam estes produtos por suas propriedades

funcionais.

O portfólio Gramkow contempla diferentes segmentos de ingredientes funcionais para a

indústria de alimentos: cereais em grãos, flocos e farinha; sucos concentrados e purês de fruta; proteínas vegetais (arroz, ervilha, Sacha Inchi) e outros ingredientes, como leite em pó de arroz integral, farinhas de maca e camu camu, extratos de maca e juventol. Todos os produtos são livres de agrotóxicos e de Organismos Geneticamente Modificados.

* Adriana C. Schulka e Elielma X. Colla

C. A Gramkow Comércio Exterior Ltda.

www.gramkow.com.br




Downloads:



 

Telefone:

+55 11 5524-6931

Celular:

+55 11 99998-0506

Fique conectado:

Curta nossa Fanpage:
facebook.com/RevistaFIB

© EDITORA INSUMOS LTDA.

Av. Sargento Geraldo Santana,
567 – 1º andar
CEP 04674-225
São Paulo, SP - Brasil

001